Mãos

♫♫ Comptine D\’Un Autre Ete – Amelie Poulain ♫♫

Nada mais significativo do que as mãos de uma noiva…

É o dia do casamento. A noiva acorda e, quase que imediatamente numa torrente de movimentos às vezes sem sentido, suas mãos agitadas não conseguem esconder a ansiedade. As unhas já foram devidamente “feitas” e é preciso muito esforço para não roer as unhas até o grande momento.

 

O balançar das flores do buquê, como se a delatar o nervosismo e em uma continuação da mão que o segura, exala leveza e beleza.

  (imagem: theknot.com)

Seja nos momentos de oração, de emoção, de alegria, as mãos são capazes de traduzir todo sentimento do instante.  Apenas o gesto – linguagem das mãos – terá sido suficiente…

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao “dar a mão” da filha em casamento o pai concede ao noivo a responsabilidade sobre a noiva. E de mãos dadas os noivos sobem os últimos degraus do altar.

 

 

 

 

E no grande gesto de união que o “estar de mãos dadas” representa se inicia o primeiro dia do resto de suas vidas. Juntos… para sempre…

(imagens: Rejane Wolff)

 

(Allegro Coral e Orquestra)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Suviane Hoera

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s